Recursos para pastores

7 razões para o pastor tirar folga na semana

todo pastor deveria tirar uma folga semanal

Eu converso com muitos pastores, obreiros e missionários. Faz parte da minha atividade: conhecer como é que se realiza o ministério em diversos contextos.
Já ouvi de inúmeros pastores que eles não tiram uma folga semanal, muitos me dizem que faz anos que não saem de férias. Eles deixam de fazer essas coisas não porque seja uma imposição da igreja, mas por outras razões. Alguns acham que devem trabalhar mais do que todos os membros da igrejas; outros não confiam nos trabalhos dos pastores auxiliares; outros ainda acham isso uma tolice, etc.

Vou explicitar algumas razões pelas quais o pastor deve ter uma folga na semana:

1. O domingo é um dia de trabalho para um pastor. É quando ele mais se preocupa com os encontros comunitários e geralmente está dando aulas ou pregando. Portanto, o domingo não conta como descanso.
2. Descansar do trabalho é um mandamento divino.
3. É um tempo para se dedicar a si mesmo tendo alguma atividade de lazer.
4. É um tempo para estar com a família e dar atenção especial a esposa e filhos.
5. Esse dia é ideal para esquecer os dilemas, problemas da igreja. Eliminar o estresse.
6. É uma oportunidade para que outras pessoas façam o trabalho da igreja.
7. É um bom testemunho para a comunidade e sua família.

Nesse dia de descanso o ideal é que não fique com o celular ligado o tempo todo. Esse dia não pode ser cancelado a não ser por coisas graves.
Se a igreja tiver secretária, peça que a mesma oriente os crentes para que chamem outras pessoas, como por exemplo, o pastor auxiliar.
Escolha um dia que seja bom para você. Comunique isso para a igreja.
Cuide de sua saúde mental, espiritual e também física. Agora, se você prefere ser o super pastor, saiba que um dia você vai ter um colapso. Ninguém é de ferro.

ACBarro

Deixe um comentário

avatar