Recursos para pastores

Ministério com família é importante, mas …

Quão importante é o ministério de famílias na sua igreja? É mais importante do que uma palavra da moda?

Da mesma forma, qual é a importância do ministério para as pessoas “não-familiares” em sua igreja?

As famílias são importantes, mas a igreja consiste de solteiros, casais sem e talvez incapazes de ter filhos, pessoas idosas, criança em idade de dependência, adolescentes, bem como famílias com muita gente (1Co 12: 14-20).

Qual o efeito em ter a igreja focalizando as famílias apenas e não estando disponível para toda as outras pessoas?
Como a igreja pode servir famílias sem negligenciar outros grupos de pessoas?

As famílias são importantes, mas a igreja é comissionada para alcançar as pessoas em geral e  não especificamente famílias (Mt 28: 19-20; Atos 1: 8).

Onde é que uma pessoa “não-família” ficará se a igreja se transformar principalmente na concentração em atingir as famílias? Como a igreja pode chegar e assimilar as pessoas “não-familiares” sem torná-las secundárias?

As famílias são importantes, mas a igreja tem, antes de tudo o mandamento de amar a Deus e nosso próximo que são as pessoas (em geral) (Mateus 22: 35-40.)

Quando tanta ênfase está em servir as famílias, como os “não-familiares” podem sentir como pessoas em termos de seu valor? Como a igreja pode proporcionar uma atmosfera familiar, sem ser insensível às pessoas não-familiares em seu meio? A igreja é separada para pastorear o rebanho, não apenas famílias (1 Pedro 5: 2-4).

Que mensagem vai para os “não-família” quando as pessoas ficam tanto tempo na Igreja e os recursos estão focados nas necessidades da família? Como a igreja pode garantir que os membros não-familiares não irão sair pelas portas dos fundos?

A intenção deste post não é minimizar a importância da família e as maneiras como a igreja pode ajudar a família. No mínimo, a igreja deveria. . .

Treinar os pais a cumprir fielmente a sua responsabilidade. Quando, onde e como o fazemos isso é o que faz a diferença.

Formar professores para manter uma boa linha de comunicação aberta entre professores e pais. Os professores que mantém os pais informados sobre o que está acontecendo na sala de aula dá aos pais uma plataforma para continuar a instrução em casa. Mantendo os pais informados sobre o que está acontecendo em casa dá aos professores uma plataforma para as necessidades dos alunos, uma melhor compreensão.

A intenção deste artigo é para desafiar-nos não para minimizar em nossas igrejas as pessoas “não-familiares”. Vamos lembrar a natureza inclusiva da igreja e como Deus usa a diversidade. No mínimo, a igreja precisa o seguinte:

– Que o reconhecimento da igreja consiste de famílias e pessoas de fora da família

– Avanço da causa de Cristo com todas as pessoas em mente

– Afirmação de amor e valor de todas as pessoas independentemente do seu estado civil

Porque assim poderemos pastorear todos, mostrando que são uma parte da igreja.

Gedeon Lidório
Adaptado de Family Life Ministry

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments